Como sempre, “de braço dado” com o 16.º Festival Nacional do Vinho Leve

Final das colheitas com dez dias de animação, no Cadaval

06-10-2017
Final das colheitas com dez dias de animação, no Cadaval
O Cadaval, principal produtor de Pera Rocha e de Vinho Leve, volta a homenagear o final das colheitas e a potenciar a economia com um certame que reúne anualmente gastronomia, espetáculos, exposições, colóquios e atividades equestres. O concelho mais rural do distrito de Lisboa recebe, de 13 a 22 de outubro, este anual “brinde” às tradições e ao mundo rural. Visite!


O pavilhão municipal, situado junto ao campo da feira do Cadaval, volta a acolher este apreciado certame, onde a homenagem às tradições rurais se funde com a divulgação e dinamização económica.

 

O termo “adiafa” significa, exatamente, o tradicional banquete que os antigos proprietários vinhateiros ofereciam, em tempos remotos, aos seus trabalhadores no fim de cada ano de campanha, para festejar o final das colheitas ou agraciar o ano agrícola. A passagem para o plural do termo, em 2002, por parte do Município, destinou-se a abarcar a celebração de outras “adiafas”, nomeadamente a da colheita frutícola, a par das restantes vertentes da economia local.

 

O âmbito do certame cresceu, sendo que, anualmente, são muitos os participantes empenhados em mostrar a sua oferta produtiva.

 

O pavilhão de artesanato e atividades económicas proporciona, anualmente, uma mostra de um leque variado de produtos artesanais, bem como de representações do tecido empresarial e institucional.

 

A fruticultura e a vitivinicultura continuam a ser os pilares fundamentais desta peculiar festa, sendo especialmente representadas pela Pera Rocha do Oeste e pelo Vinho Leve da Região de Lisboa, dos quais o Cadaval é um exímio representante, ocupando lugar cimeiro na produção, comercialização e exportação.

 

Na área vitivinícola, a Festa das Adiafas contempla o designado “Festival Nacional do Vinho Leve”, que conta com a participação anual de diversas adegas da região, com prova e venda das respetivas gamas de Vinho Leve – bebida de baixo teor alcoólico, frutada e muito apreciada dentro e fora de portas. A este nível, destaque-se a cerimónia de entrega dos prémios do Concurso de Vinhos Leves da Região de Lisboa, que este ano atinge a 7ª edição, numa parceria da Câmara Municipal do Cadaval com a Comissão Vitivinícola da Região de Lisboa (CVRL), agendada para domingo, 15 de outubro, pelas 21h30.

 

Certame incluirá seis espaços de conversa

 

O setor produtivo volta a estar patente, também, através de colóquios sobre temáticas de utilidade agrícola e de promoção da economia rural, a decorrerem no recinto da feira.

 

Nesse sentido, realiza-se dia 15, pelas 18h00, o habitual Colóquio “Vinho e Saúde”, numa organização da CVRL. Segunda-feira, dia 16, também pelas 18h00, tem lugar o Colóquio "Produzir e Consumir Agricultura Biológica", neste caso numa parceria do Município com Agrobio (inscrições para participação no site http://www.agrobio.pt). Logo na terça-feira, 17 de outubro, pelas 18h00, decorre o Colóquio "Nutrição Vegetal", parceria com Neovale (inscrições: neovale@sapo.pt). Quarta, dia 18, à mesma hora, é a vez do Colóquio "A agricultura faz-se também com...", parceria com Agriloja (inscrições: pmonteiro.agripro@agriloja.pt). A 19 de outubro, quinta-feira, realiza-se a 9ª Edição das Conversas Florestais, abordando o tema "O Uso Múltiplo da Floresta e as suas Oportunidades", parceria com a APAS Floresta (inscrições: patriciaazeiteiro@apasfloresta.pt).

 

Fora do âmbito agrícola, no dia 20, pelas 19h00, tem lugar, no mesmo pavilhão do certame, um momento de conversa diferente, designadamente a Sessão Formativa "Maus Tratos na Infância e Juventude: Avaliação e Diagnóstico", numa parceria com a Comissão de Proteção a Crianças e Jovens do Cadaval (inscrições, gratuitas, no site municipal, em www.cm-cadaval.pt).

 

Também com inscrições abertas (gratuitamente) no site camarário, refira-se o 2.º passeio de cicloturismo “Cadaval de Bicla” (domingo, dia 15, pelas 09h00), bem como a 1ª Caminhada das Adiafas (domingo, dia 22, pelas 10h00) ou ainda o Passeio Equestre, pelas 10h30 desse mesmo dia. De salientar a importância das prévias inscrições, de modo a salvaguardar o seguro de acidentes pessoais dos participantes.

 

O pavilhão de gastronomia e animação contará, uma vez mais, com a presença de vários espaços de restauração e tasquinhas, dinamizados por associações locais que incluirão, nas suas ementas, diversos pratos e petiscos típicos, onde até o ingrediente “Pera Rocha do Oeste” costuma ser incluído, em especial na doçaria presente.

 

A angariação de fundos pelas coletividades participantes, a par da divulgação dos respetivos projetos comunitários, constitui uma mais-valia desta vertente gastronómica, que tantos visitantes costuma atrair à vila do Cadaval, nesta ocasião.

 

Os espetáculos englobarão atuações enquadradas no espírito do certame, contemplando sobretudo música popular, tradicional e de baile, mas também orquestral e filarmónica, sem esquecer a noite rock (sexta-feira, dia 20), a pensar, em especial, na camada mais jovem.

 

Juntam-se a esta festa diversas exibições e demonstrações de dança, atividades físicas e artes marciais, designadamente: sevilhanas, danças de salão, zumba, ginástica, karaté e kempo.

 

A animação do evento, que conta com organização do Município do Cadaval, incluirá ainda a realização do 13.º Fim de Semana Equestre (demonstrações, gala, passeio e desfile), 6ª Rota das Adiafas (passeio todo-o-terreno), Prova de Santo Huberto (caça) e Largada de Vitelos.

 

Confira o programa de animação, disponível, a par de toda a informação sobre o certame, em www.cm-cadaval.pt/Festa-das-Adiafas-2017. A partir das 19h00 do dia 13 (sexta-feira), junte-se à festa. Participe!

 

Fonte: S.Com | CMC



  • Siga-nos

Topo / Top
  •   Menu acessível
  • Promotor Oeste Portugal
  •   Oeste CIM
  • Co-financiamento Compete
  •   QREN
  •   União Europeia
Powered by Powered by U-LINK
© 2006 - 2017 Município do Cadaval - Todos os Direitos Reservados.