Uma das mais típicas e participadas feiras da região

Feira dos Pinhões regressa dia 8 ao Cadaval

05-12-2017
Feira dos Pinhões regressa dia 8 ao Cadaval
Os afamados frutos secos têm lugar de destaque na feira
A tradicional Feira dos Pinhões regressa ao Cadaval dia 8 de dezembro, sendo esta a mais participada das feiras locais, em termos de feirantes e de visitantes, oriundos de dentro e fora do concelho. Nesse feriado nacional religioso acontece, em paralelo, a Festa em honra de Nossa Senhora da Conceição, com atividades junto ao recinto da feira. Visite, participe!


A Feira dos Pinhões, também designada Feira 8 de Dezembro ou Feira de N. Sra. de Conceição, regressa ao Cadaval no feriado religioso consagrado à Imaculada Conceição, decorrendo das 8h00 às 17h00.

 

Muito antiga e típica, esta feira mantém-se um acontecimento ímpar na região, seja pela quantidade de visitantes e de feirantes que continua a atrair, seja pela diversidade de artigos que continua a trazer ao concelho, atualmente ao campo da feira do Cadaval, no arranque da época natalícia.

 

Na mesma data, acontecem duas atividades religiosas inseridas na Festa em Honra de Nossa Senhora da Conceição, promovida pela Paróquia do Cadaval. Neste âmbito, pelas 10h00 realiza-se procissão com saída da Igreja Matriz do Cadaval e prosseguindo pelo centro da vila até ao pavilhão municipal, junto ao campo da feira. Naquele local decorrerá uma tarde de atividades de catequese e, pelas 16h30, está marcada a Oração Final.

 

Ainda em honra da padroeira, a Igreja do Cadaval acolhe na noite de hoje, 5 de dezembro, pelas 21h00, o Hino Bizantino “Akathistos”, e amanhã, dia 6 de dezembro, à mesma hora, Exposição do Santíssimo Sacramento e Confissões.

 

As origens da tradicional feira

 

A sua origem perde-se no tempo, mas terá ficado conhecida por “Feira dos Pinhões” devido à quantidade de pinhoeiras que acorriam ao Cadaval, nesta altura do ano, para vender o afamado pinhão, entre outros frutos secos, muito apreciado na quadra natalícia.

 

Estas vendedoras, com seus trajes típicos e sentadas em pequenos bancos, davam cor e alegria à vila e particularmente à feira, vendendo pinhões por medida ou em fiadas.

 

A Feira dos Pinhões trazia às principais artérias da vila do Cadaval grande quantidade de população das diversas freguesias locais, dos concelhos limítrofes e de pontos mais distantes.
Fonte: S.Com | CMC



  • Siga-nos

Topo / Top
  •   Menu acessível
  • Promotor Oeste Portugal
  •   Oeste CIM
  • Co-financiamento Compete
  •   QREN
  •   União Europeia
Powered by Powered by U-LINK
© 2006 - 2017 Município do Cadaval - Todos os Direitos Reservados.