Cerca de 20 atividades lúdico-pedagógicas fizeram as delícias da pequenada

Dia da Criança animou perto de 850 petizes, no Cadaval (c/vídeo)

07-06-2017
Dia da Criança animou perto de 850 petizes, no Cadaval (c/vídeo)
O Município voltou, recentemente, a organizar uma jornada de diversão comemorativa do Dia Mundial da Criança, com cerca de 20 atividades e perto de 850 crianças do concelho, que coloriram e animaram o parque de lazer da vila, o campo de jogos e ainda a biblioteca e museu municipais. Assinalar a importância de fomentar um crescimento saudável e feliz aos petizes é o intuito de uma iniciativa que está para durar.

«Todos os dias são Dia da Criança, e é essa a nossa grande preocupação», referiu a vice-presidente camarária na ocasião. «Mas hoje é um dia mais especial, um dia de muita alegria, muito divertimento, em que eles têm um momento para se juntarem, alunos das escolas e jardins de todo o concelho, de forma a poderem conviver e sentirem-se felizes», acrescenta Fátima Paz.

 

«Temos aqui um espaço fantástico, um espaço verde natural, de que muitos dos alunos do concelho provavelmente no dia-a-dia não podem desfrutar» refere a também vereadora da Educação.

 

No total, a atividade reuniu aproximadamente 850 crianças do 1.º ciclo e pré-escolar do ensino público, a que se juntaram, como habitualmente, as crianças da creche/jardim-de-infância “As Pintinhas” da Santa Casa da Misericórdia do Cadaval.

 

A iniciativa assentou, uma vez mais, num leque de atividades de exterior, que incluíram jogos, desafios e dinâmicas de grupo, perfazendo cerca de vinte atividades diversas, projetadas para dois grupos etários de crianças – dos 3 aos 6 anos e dos 6 aos 12 anos.

 

A animação externa decorreu, ao longo do dia 1 de junho, nos espaços verdes do Parque de Lazer do Cadaval, na zona circundante da Biblioteca Municipal e ainda no Campo de Jogos Municipal.

 

Não faltaram as pinturas faciais, a modelagem de balões nem os insufláveis com escalada, escorrega, túneis, entre outros obstáculos a superar. Desafios como o hula hoop ou a manta ball estiveram também presentes na festa da criança, potenciando, entre outras aptidões, o espírito de equipa entre os mais novos. Pontas paralelas, campo minado, mikado, maxi skis, mesa labirinto, puzzle gigante, entre outros jogos e dinâmicas, tais como um circuito de carros a pedal com obstáculos e sinais de trânsito, integraram o elenco desta jornada de diversão. As crianças puderam, também, "levar as mãos à massa", através da presença da panificadora Pão da Vermelha, na confeção dos biscoitos que puderam provar, no final.

 

«Decidimos manter as atividades do ano passado, que considerámos que eles gostaram mais, colocar novas atividades e até aumentar, no sentido de eles poderem usufruir o máximo de tempo possível. Daí terem surgido novidades, que vão ao encontro, também, dos seus gostos e brincadeiras», explica Fátima Paz.

 

Quanto à possibilidade de o parque radical, em construção naquele local, poder vir a integrar o Dia da Criança ou outra atividade camarária, a vice-presidente vê como uma possibilidade em aberto.

 

«Penso que, no próximo ano, considerando que já fizemos dois anos consecutivos neste espaço, talvez tenhamos de pensar noutra atividade diferente. Mas este dia é para continuar a ser marcado, porque as crianças são o que mais nos preocupa. Elas têm de crescer harmoniosamente, são os cidadãos do futuro e, como tal, temos de lhes proporcionar as melhores atividades e o melhor crescimento possível», defende a edil.

 

Ainda sobre o parque radical, Fátima Paz referiu-o como uma necessidade manifestada pelos jovens do Cadaval. «Passamos a ter um espaço diferente, que pode permitir que os jovens, num espaço adequado a esse fim, façam a aplicação daquilo que gostam, que são os skates e as bicicletas», acrescentou a autarca.

 

De registar também a presença, nesta jornada infantil, da nova carrinha ao serviço dos cuidados primários de saúde do concelho – a Unidade Móvel de Saúde do Cadaval, que promoveu, junto da comunidade escolar, a atividade que irá efetuar, em território concelhio, para procurar chegar a quem tem dificuldade de ir ao centro de saúde ou delegações.

 

Biblioteca e museu associaram-se ao Dia da Criança

 

Direcionado a crianças dos 6 aos 10 anos, a Biblioteca Municipal promoveu a dinamização do conto “Flautista de Hamelin”, visando a promoção do livro e da leitura aliada à vertente lúdica.

 

Para a mesma faixa etária, o Museu Municipal levou a efeito uma atividade relacionada com a exposição “Figuras Míticas da Nossa História”, cujo móbil foram as comemorações do Dia Internacional dos Museu – 18 de maio, a qual terminou naquela data. O objetivo desta mostra foi o de estreitar a relação com os espaços museológicos, promovendo e dando a conhecer, neste caso, a tradição popular local, sobretudo em redor de lendas associadas à serra de Montejunto.

 

Aceda aqui a fotorreportagem do Dia da Criança, no Cadaval

 
Abaixo, videorreportagem municipal do Dia da Criança:

Fonte: S.Com. | CMC

  • Siga-nos

Topo / Top
  •   Menu acessível
  • Promotor Oeste Portugal
  •   Oeste CIM
  • Co-financiamento Compete
  •   QREN
  •   União Europeia
Powered by Powered by U-LINK
© 2006 - 2017 Município do Cadaval - Todos os Direitos Reservados.